Exposição artística 'Os Estúpidos' por Robert Panda

Porto

Exposição artística 'Os Estúpidos' por Robert Panda no El Corte Inglés Gaia Porto

  • Finalizado
  • das 10:00 às 22:00
Exposição artística 'Os Estúpidos' por Robert Panda

A Loja

El Corte Inglés Gaia Porto

Imagen principal de la tienda

Edificio 1

Localização
Avenida da República, 1435 4430-999 Vila Nova de Gaia
Telefone
(+351) 223 781 400

Horário Aberto hoje das 10:00 às 22:00
De Segunda-feira a Quinta-feira: 10:00 - 22:00, Sexta-feira e Sábados: 10:00 - 23:30 e Feriados: 10:00 - 20:00

Horários detalhados e feriados

Como Chegar

De autocarro
Linhas: 900-903
De metro
Estação João de Deus (Linha Amarela)

Descrição

O Âmbito Cultural do El Corte Inglés tem o prazer de convidar V. Exa. para a exposição artística Os Estúpidos, que estará disponível de 5 de Outubro a 15 de Novembro nas Lojas El Corte Inglés Lisboa e Gaia-Porto.

SINOPSE:

Com a exposição de Arte Urbana, Estúpidos, que agora entra nos nossos Grandes Armazéns, queremos resgatar a tradição que sempre uniu os mercados à interpelação cultural. Trovadores, atores, músicos, pintores e escultores sempre convergiram para os locais onde se compravam e vendiam as sedas, as jóias e também as tâmaras e os sapatos. Agora, com as cidades mais organizadas do que nunca, o comércio e a arte parecem ter assinado um qualquer contrato de divórcio que é difícil de entender. Porém, tanto o comércio como a arte,
que nasceram de mãos dadas e estão habituados a brincar juntos, procuram formas de se encontrarem, mesmo às escondidas.
A chamada arte urbana, arte de rua, em forma de mural, instalação ou melodia, é uma espécie de tatuagem que identifica e sinaliza os espaços. E mesmo quando confinados a museus, galerias ou recintos definidos, a arte tem sabido trespassar
essas fronteiras e invadir o espaço onde encontra o seu público.
Ora, o espaço público é todo o espaço do público. O espaço das pessoas. E foi, justamente, por esta razão, que convidámos o Robert Panda a “entrar” pelo El Corte Inglés adentro e, através das suas admiráveis criações, interpelar quem nos visita.

Categorias: Cultura